Por que alguns seres humanos têm que passar por planetas infernais?

      Enquanto uma alma esta passando pelo castigo, ela simplesmente sente  que o sofrimento vai durar para sempre. Um dos aspectos mais importantes de passar pelos ambientes infernais é o fato de ser deixada na consciência uma impressão que torna extremamente desconfortável buscar aquela linha de ação novamente.

 
 
  Palavras de Srila Bhakti Thirta Swami

Como são os planetas infernais?

        Cada inferno é designado para acomodar diferentes atividades pecaminosas.
 
        #Uma pessoa que ama torturar e matar pequenas criaturas e entidades inferiores tem de pagar o preço de ser atacada pelos mesmos tipos de criaturas que ela abusou ou matou.
 
       #Aqueles que gostam de cozinhar animais vivos, como caranguejos, lagostas e outros crustáceos marinhos, em água fervente simplesmente para satisfazer o paladar irão experimentar como é isso. Eles  próprios serão jogados em um tonel de água fervente.
 
      #Para administradores, reis, políticos, membros do governo que cometem extorsão ou punem pessoas inocentes, eles serão esmagados entre dois rolos, tão facilmente quanto a cana de açúcar é esmagada para remover o suco. Eles sentirão seus órgãos internos sendo esmagados.
 
     #Para aqueles que se entregam ao sexo ilícito, irão para um ambiente que é sobrecarregado sexualmente, pensando estar com o  sexo oposto, estarão abraçando uma efígie de ferro incandesceste. Sofrerão queimaduras e experimentarão essa dor repetidas vezes.
 
      #Para alcoólatras e viciados em drogas, há um tipo similar de inferno. Guardas do planeta infernal sobem em seus peitos e derramam chumbo derretido por suas gargantas.
      #Um homem que força uma mulher a fazer sexo oral, com intenção de manipulá-la e controlá-la, irá dar consigo se afogando em um  oceano de sêmem.
 
      #Um mentiroso crônico encontrará seu corpo sendo constantememente atirado de um morro alto e partido em pedaços repetidas vezes.
 
       Apesar destas almas estarem vivenciando repetido sofrimento,  o sofrimento não é eterno. Deus não permitiria que sofrêssemos eternamente.
 



Explicação de Srila Bhakti Tirtha Swami

Quais são os planetas Vaikuntha?

      Há inumeráveis planetas Vaikuntha predominados pelas expansões de Visnu. Todos os planestas Viakuntha são conhecidos por um nome específico de Visnu. O Senhor tem inúmeras expansões de Sua forma transcendental, e, conforme as diferentes posições das representações simbólicas em Suas quatro mãos, Ele é conhecido como Narayanana, Pradyumma, Anirudha, Vasudeva, etc.  Há também um planeta Vaikuntha conhecido como Kapila Vaikunta, ao qual Devahuti foi promovida para encontrar-se com Kapila e ali residir eternamento desfrutando da  companhia de seu filho transcendental.

Palavras de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada

Por que algumas pessoas urinam na hora da morte?

" Assim o homem que, com sentidos descontrolados, se dedicava a manter uma família, morre em grande aflição, vendo seus parentes  chorando. Ele morre de maneira  muito patética, entre grandes dores e sem consciência". Bhag 3.30.18.
 
"No momento da morte, ele vê os mensageiros do senhor da morte aparecerem ante ele, com os olhos cheios de ira, e, com grande temor ele defeca e urina". Bhag 3.30.19.
 
    Diz-se nas escrituras que os soldados de Yamaraja (os Yamadutas) cobrem o corpo sutil do réu e levam-no  à morada de Yamaraja para que seja castigado de maneira tolerável. Não compete aos soldados de Yamaraja dar cabo de uma pessoa. De fato, não é possível matar a entidade viva porque, na verdade, ela é eterna; ela precisa apenas sofrer as consequências de suas atividades de gozo dos sentidos.
 
Explicação de   Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada

O que é a durga de Durga?

  A palavra durga significa prisão. Quando as jivas, que têm sua origem na potência marginal, se tornam avessas a Krsna, a prisão na qual são internadas é a durga de Durga. O instrumento de castigo nessa prisão é a roda do karmma . Seu dever , pela vontade de Govinda, é de preencher  a tarefa de reformar as jivas avessas através de tais medidas corretivas, tarefa essa que ela executa perpetuamente. Quando as jivas têm a sorte de obter sadhu-sanga - a sagrada associação -, e sua aversão é removida e retornam rumo ao Senhor , a própria Durga, pela vontade de Govinda, torna-se a causa da liberação.
 
Explicação de Srila Bhaktivinoda Thakur


Como a alma entra no ventre de uma mulher?

   A alma é transferida  através do sêmem do pai ao ventre  da mãe , a fim de produzir um tipo específico de corpo. Não é o sêmem do homem que cria a vida no ventre da mulher ; ao contrário, a entidade viva , a alma , abriga-se numa partícula de sêmem e é então injetada no ventre de uma mulher. Então o corpo se desenvolve. Não há possibilidade de criar uma entidade viva sem a presença da alma simplesmente pelo intercurso sexual. A teoria materialista de que não existe alma e de que uma criança nasce simplesmente mediante a combinação material do esperma e do óvulo não é muito verossímel. Ela é inaceitável. O Senhor Supremo, como a Superalma, sempre acompanha a alma individual.

           

 Explicação de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada










  
   
       A Personalidade de Deus disse: Sob a supervisão do Senhor Supremo e segundo o resultado de seu trabalho, a entidade viva, a alma , é forçada a entrar no ventre de uma mulher através da partícula do sêmem masculino para assumir um tipo de corpo em particular. Bhag.3.31.1.

O que é a doutrina de adoração quíntupla( pancopasana)?

    Baseia-se na ideia de se adorar Siva, Kali, Ganesa, Durga e Visnu em nível de igualdade, típica da filosofia de que "todos os caminhos levam a Deus". Este conceito aparentemente inocente leva-nos a concluir não haver diferença entre os relacionamentos no âmbito da família eterna, o que redunda na rejeição do conceito de um só Deus Supremo.
    Sri Shankaracarya sempre enfatizou o processo pancopasana. É um dos rebentos da filosofia mayavada.
 
    Palavras de Srila Prajñana Kesava Maharaja



Quem é Durga?

   É a deidade principal desse Devi-dhama (nosso mundo). Ela possui dez braços, representando os dez karmmas ou ritos purificatórios. Sua proeza como uma heroína é indicada pelo fato dela montar sobre um leão. Ela é a conquistadora do vício, representado em seu castigo de Mahishasura, o demônio búfalo. Ela é a mãe de Kartikka e de Ganesha, indicando que ela possui a beleza e o sucesso representados por seus filhos . Ela esta posicionada entre os aspectos Laksmi  e Saraswati, que são as companheiras da opulência e do conhecimento materiais. Para a supressão do vício, ela carrega vinte armas representado os múltiplos deveres religiosos védicos. Ela é adornada, sou seja, segura uma cobra que reprenta a beleza do tempo, o conquistador. Durga realiza todas essas tarefas pela vontade de Govinda.
 
Fonte: Sri Brahma-Samhita
                       Explicação de Srila Bhaktivinoda Thakur

 

Quais os dois Buddhas?

     Quando Kali-yuga estava nos seus primórdios, há uns 3.500 anos, Visnu Avatara Buddha apareceu em Bodhi-gaya, no atual estado de Bihar, Índia (em 1.500 a.C.). Mil anos mais tarde, Sakya Simha Buddha (também conhecido como  Siddharta Gautama Buddha) nasceu (por volta de 563 a.C.) em Kapilavastu, Nepal. Ele meditava no mesmo local que Visnu Buddha.

    O Buddha original: " O Buddha que desce à Terra é transcendental, onisciente, soberano em retidão, benfeitor, onipresente, subjugador de Mara, o deus do amor terreno, e conquistador dos mundos . Ele mantém perfeito controle sobre os sentidos , protege-nos dos seis inimigos, detém os dez poderes e discorre sobre o monismo. É  o líder mais destacado, o sábio universal, o senhor e mestre dos ascetas e a personificaçao do esplendor".
 
    O Avatara Buddha e o sábio ateísta Gautama Buddha não são a mesma pessoa. 
 
    Meu ponto de vista a este respeito é o seguinte: O Buddha descrito no Linga Purana, no Bhavisya Purana e no Varaha Purana, onde é mencionado como o nono dos dez avataras de Visnu, não é o mesmo que Gautama Buddha. Os vaisnavas jamais adorariam Gautama Buddha, ou seja, o Buddha niilista e ateísta. Eles adoram o nono avatara do Senhor Visnu, com  a seguinte oração

namo buddhaya shuddhaya daitya -danava-mohine

"Ó impecável e supremo Senhor Buddha! Presto minhas reverências a Você, que surge para ludibriar a classe de demônios e ateístas". Bhag. 10.40.22.
 
Explicação de Srila Prajñana Kesava Maharaja












Obs: maiores informações sobre esse assunto consultar o livro  Muito além do nirvana de Srila Bhakti Prajnana Kesava Gosvami Maharaja.
 

Quais os dez avataras de Sri Visnu?

  "Ó Krsna, Você assume dez forma de avatara! Prestro-Lhe minha  reverências, pois, sob a forma de Matsya, Você salva as escrituras védicas. Você sustenta o universo como Kurma avatara e soergue a Terra na posição de Varaha avatara ( o javali Transcendental). Enquanto Nrsimha, Você aniquila Hiranyakasipu e, ao aparecer como Vamana avatar, engana Bali Maharaja. Extermina a classe de guerreiros corruptos sob Sua forma de Parasurama e destrói  Ravana como Rama avatara. Porta o arado como Balarama, mostra compaixão com todos  enquanto Buddha e mata os mlecchas como Kalki".

Fonte: Gita Govinda de Srila Jayadeva Gosvami

O que pensa o ser humano na hora da morte?

    No  Bhagavad-gita se diz que no momento da morte estaremos absortos nos pensamentos  que cultivamos durante nossa vida  Uma pessoa que não cultivou outra ideia senão a de manter devidamente os membros de  sua família certamente terá os afazeres familiares como  seus últimos pensamentos. Por causa de sua profunda afeição familiar, o homem esquece que seu dever principal  é controlar os sentidos e aprimorar sua consciência espiritual. Às vezes o moribundo confia os afazeres familiares, ou  ao seu filho, ou a algum parente, dizendo : "Estou partindo. Por favor, zela pela  família". Às vezes pede ao médico que prolongue sua vida pelo menos por alguns anos para que possa completar o plano de manutenção familiar que havia começado. Estas são as doenças materiais de uma alma condicionada.


Explicação de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada

Por que é importante o devoto ver a deidade no templo?

  A adoração à Deidade no templo vem a ser uma das funções do devoto. O neófito considera a deidade diferente do Personalidade de Deus original - ele a considera uma representação do Senhor sob  a forma de deidade. O avançado aceita a deidade no templo como a Suprema Personalidade de Deus. Ele deve visitar  a deidade bem decorada e, com veneração e respeito, toca os pés de lótus do Senhor e faz oferendas de adoração, tais como frutas, flores e orações. Ao mesmo tempo, para avançar em serviço devocional , o devoto deve ver outras entidades vivas como  centelhas espirituais, partes integrantes do Senhor.
Explicação de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada.
 
 
 
 
 
 

"O devoto deve ver regularmente Minhas estátuas no templo, tocar Meus pés de lótus e oferecer-Me parafernáila de adoração e orações. Sua visão deve ser com espirito de renúncia, no modo da bondade, e ele deve ver toda entidade viva como espiritual". Bhag 3.29.16.

Comer legumes não é uma violência também?

   Comer legumes é uma violência, e os vegetarianos também cometem violência contra outras entidades vivas porque os legumes também têm vida. Os não devotos matam vacas, cabras e tantos outros animais para o propósito alimentar, e o devoto, que é vegetariano , também mata. Toda a entidade viva é forçada a viver matando outra entidade viva - esta é a lei da natureza. Uma entidade viva é a fonte de subsistência de outra entidade viva, Porém, para o ser humano, esta violência deve ser cometida somente na medida do necessário. O devoto só come prasada, ou alimentos oferecidos ao Senhor, e Ele diz que quando um devoto Lhe oferece alimentos do reino vegetal, com devoção, Ele os come.

Explicação de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada

Qual o objetivo de um mayavadi?

    Os filósofos mayavadis  recomendam a imersão na refulgência do Brahman; esta é a meta ou o destino deles.



     Palavras de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada



 

O que significa liberação para um vaisnava?

    Significa restabelecimento em nossa posição original. A posição original é a de prestar serviço ao Senhor ( bhakti-yogena, bhaktya).
 
 Explicação de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada

O que é sankhya-yoga?

 O estudo analítico dos elementos da natureza material e a concentração da mente na Superalma são a essência do sistema filosófico Sankhya. A perfeição desta sankhya-yoga culmina em serviço devocional à Verdade Absoluta.

Palavras de Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada

O que é o ekadasa bhava?

    São as onze características do siddha-deha ou corpo espiritual de um assistente de Srimati Radharani , ou seja, seu nome eterno, forma, idade, vestido, relacionamento com Krishna, grupo de associados, a ordem dada pelo líder do grupo, o serviço, a ambição, o humor de uma serva e residência.
    Concretizando essas onze emoções transcendentais, nesta etapa se obtém a perfeição do corpo eterno espiritual (svarupa-siddhi).
 
    Explicação de Srila Bhaktivinoda Thakur
 










Quais os quatro aspectos manifestos da Verdade Suprema, Krishna?

*   Sua forma pessoal original (svarupa)
* Seu resplendor pessoal, incluindo Sua morada, Seus associados eternos, Suas expansões e encarnações (tad- rupa-vaibhava)
*   as almas espirituais individuais (jivas)
*   a energia material (pradhana)
 
Estes aspectos respectivamente são comparados com:
 
* a parte interna do sol
* a superfície do sol
* as partículas atômicas emanando dos raios solares
* o reflexo do sol
     Explicação de Srila Bhaktivedanta Narayana Maharaj

Quais são as três moradas da alma?

(1) o corpo grosseiro que consiste de cinco elementos materiaiais (água, terra , fogo, ar e éter).
(2) o corpo sutil (que possui a aparência da consciência) é composto de mente, inteligência e falso ego.
(3) o corpo eterno e espiritual da alma é composto por três potências espirituais: sat-cit-ananda (existência, conhecimento e bem-aventurança).
 
    Cada um desses corpos tem a sua própria função religiosa. O corpo grosseiro e o  sutil não são permanentes; portanto suas funções ou religiões são temporárias. A alma é eterna. Portanto , a função ou religião da alma é eterna e seu nome é Dharma-védico ou Bhagavat-dharma.

Explicação de Srila Bhaktivedanta Narayan Maharaj

Por que muitos sonhos do ser vivo acabam se tornando realidade?

          A Divindade Suprema tem Sua presença enquanto realidade eterna no eu, ou alma, original da jiva. Já que o Senhor detém a habilidade inerente de criar  o universo,  a jiva (que é uma minúscula centelha transcendental da energia marginal do Senhor Supremo) também tem em seu coração  o poder místico para criar sonhos. Logo, muitos sonhos acabam sendo verdadeiros.
 
Explicação de Srila Prajñana Kesava Maharaja


 

O que acontece quando a entidade viva(jiva) se desvia de sua natureza espiritual intrínseca?

   No mesmo instante em que cai nas garras de maya, a jiva perde a lembrança de sua entidade espiritual original. Agora imersa na atmosfera material, acaba por formar uma nova modalidade de consciência. Pensando ser "o centro de seu próprio universo" e imaginando-se  "a desfrutadora", cede ao equívoco de se equiparar a Sri Krsna. A ilusão da jiva se completa quando , subjugada pelo encanto da inveja e da adulação de si mesma, deseja usurpar a posição natural e inquestionável do Supremo .


Srila Kesava  e Srila Narayana
Palavras de Srila Prajñana Kesava Maharaja